28 janeiro 2008

Finalmente, um tapete vermelho

A transformação do Globo de Ouro numa coletiva de imprensa por causa da greve dos roteiristas de Hollywood fez com que o SAG Awards se tornasse o evento mais glamouroso do ano. Com algumas semanas de atraso, estrelas do cinema e da TV finalmente conseguiram desfilar por um tapete vermelho com aqueles vestidos puro-poder.

E se no Golden Globe do ano passado só deu branco, desta vez a mulherada abusou das cores. O que reinou quase absoluto agora foi o tomara-que-caia. Uns incríveis, outros nem tanto.

Da seleção que você vê abaixo (só uma provinha), o Sobressalto dá nota 10 para o longo em camadas escolhido por Kate Beckinsale e nota 0 para a estampa de Cate Blanchett. Grávida, tudo bem, mas precisava escolher um tecido que envelhece?

Já o modelito de Sandra Oh foi vestido pela pessoa errada. Só Heidi Klum pode aparecer assim, meio embrulhada para presente, sem parecer ridícula. Angelina Jolie também não foi favorecida pelo modelo. A menos que tenha sido uma escolha proposital para alimentar os boatos de uma nova gravidez.

Nas fotos, sempre a partir da esquerda: Cate Blanchett, Rebecca Gayheart, Teri Hatcher, Angelina Jolie-com-Brad-Pitt, Kate Beckinsale, Amanda Bynes, Ellen Pompeo, Kate Hudson, Sandra Oh e Sara Ramirez.















Um comentário:

carol medeiros disse...

essa de vermelho, Rebeca Coração Gay, parece que está usando top herchcovich da coleção passada, aquela dos smokings. é isso mesmo?

peça linda, mas difícil...